Ditador Erdogan usa sistema político da Alemanha de Hitler como exemplo de governo

Presidente defende que o chefe do Estado deve ter poderes executivos na Turquia.

O presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, utilizou o sistema usado pelo ditador nazi Adolf Hitler na Alemanha como exemplo de governo, segundo noticiou hoje o Today's Zaman. "Há exemplos no mundo. Também há exemplos do passado. Se olharmos para a Alemanha de Hitler podemos ver", respondeu o chefe do Estado turco numa conferência de imprensa que deu após o seu regresso de uma viagem que realizou à Arábia Saudita.

Erdogan, que quer ver o seu cargo reforçado com poderes executivos, acrescentou: "O que é importante é que o sistema presidencial não perturbe o povo na sua implementação. Se houver justiça, não há problema porque o que o povo quer e espera é justiça".

O presidente, que viu o seu partido, AKP, recuperar a maioria absoluta nas eleições antecipadas de Novembro, colocou a questão de uma nova Constituição no topo das suas prioridades.

Foto: Rt.com
"Há bons e maus exemplos de sistemas presidenciais e o importante é haver um equilíbrio. A Alemanha nazi, na ausência de enquadramento institucional, foi obviamente um dos piores exemplos da História", sublinhou Erdogan, durante as mesmas declarações aos jornalistas.

Na sua mensagem de ano novo, por outro lado, o presidente turco centrou-se na luta ao terrorismo, mais propriamente contra o Partido dos Trabalhadores do Curdistão. "Em 2015, 3 100 terroristas foram neutralizados em operações domésticas e no estrangeiro", disse, segundo a AFP, referindo-se às operações militares contra posições do PKK no sudeste da Turquia e no norte do Iraque.

Fonte: DN

Siga-nos por email

Subscreva:

Desenvolvido por FeedBurner

loading...