A vida de luxo do prisioneiro mais sexy do mundo

Jeremy Meeks tornou-se fenómeno da Internet em 2014, quando a fotografia da sua detenção foi publicada pelas autoridades norte-americanas. Três anos depois, Meeks tornou-se modelo e exibe no Instagram os frutos do seu trabalho.

A história de sucesso de Jeremy Meeks começou da pior e mais inesperada forma. Foi detido em 2014 e condenado, em 2015, a 27 meses de prisão por posse ilegal de arma. Mas a imagem deste preso, que a polícia qualificava como um dos mais perigosos de Stockton, na Califórnia, foi o seu passaporte para a fama.







Quando a polícia publicou no Facebook a fotografia deste detido, milhares de pessoas ficaram cativadas pelos seus olhos azuis e pele morena, transformando-o numa sensação da Internet.

Ainda na prisão, Meeks conseguiu um contrato com a agência de modelos White Cross e, desde que saiu da cadeia em março de 2016, tem trabalhado em várias produções de moda.

No Instagram, o antigo membro de um perigoso gangue tem mostrado aos fãs - tem 650 mil naquela rede social - a sua nova vida enquanto pai de família com sucesso. São várias as imagens com a mulher e os três filhos, mas também com vários indícios de uma vida de luxo nascida a partir de uma detenção.

Numa das imagens, Meeks exibe-se ao lado de um Maserati e em frente a uma mansão com a legenda "É bom estar em casa". Numa outra, Jeremy Meeks está de braços abertos em frente à sua casa, numa foto com a legenda "Deus é bom".

Nos comentários, há várias mensagens de ódio ao recém-obtido luxo do modelo, mas várias pessoas que louvam a volta de 180 graus que deu à sua vida.

Fonte: JN Fotos: Google

Siga-nos por email

Subscreva:

Desenvolvido por FeedBurner

loading...