loading...

INACREDITÁVEL - IKEA pagava salários abaixo dos 625 euros

Há cerca de um ano, a cadeia sueca já tinha realizado um aumento do salário mínimo de entrada para os trabalhadores.

A Ikea Portugal vai aumentar o salário mínimo de entrada dos trabalhadores a tempo inteiro para 625 euros brutos mensais. A decisão da cadeia sueca surge num momento em que o Governo português revê o salário mínimo nacional para os 557 euros, informa a empresa. Em Janeiro do ano passado, a Ikea tinha aumentado para 600 euros o salário mínimo base dos colaboradores.

Foto: Revista Invest
Este ano, a cadeia decidiu aumentar o salário mais 25 euros, elevando para 625 euros o valor base, mais 12,2% do estipulado por Lei, ao que se soma o subsídio de refeição de 4,55 euros. O aumento entra em vigor em Março de 2017, com efeitos retroactivos desde Janeiro.

“Queremos ser uma empresa cada vez melhor para trabalhar e o aumento do salário mínimo de entrada é mais do que uma forma de reconhecimento: faz parte da nossa estratégia, que coloca as pessoas no centro do negócio, proporcionando aos nossos colaboradores cada vez melhores condições para que se sintam realizados a nível pessoal e profissional.

Este é mais um passo nesse sentido e por essa razão, estamos duplamente satisfeitos”, referiu Christiane Thomas, retail manager Ikea Portugal, citado em nota de imprensa. Em Portugal, a Ikea tem cerca de 1900 colaboradores no retalho e centro de apoio ao cliente.

Siga-nos por email

Subscreva:

Desenvolvido por FeedBurner

loading...