Primeira imagem de Pedro Dias a entregar-se á policia


O fugitivo procurado pelo homicídio de um GNR e de um civil decidiu entregar-se à polícia.

Pedro Dias, o homem suspeito de ter morto um militar da GNR e um civil, entregou-se esta noite às autoridades em Arouca.

O momento foi captado pela RTP a quem o suspeito terá dito, segundo a jornalista da RTP, que não matou ninguém e que apenas fugiu porque se sentiu perseguido.

Foto: DN
"Tudo começou com um mal entendido", terá justificado Pedro Dias, deixando no ar, de acordo com o relato da jornalista Sandra Felgueiras, da RTP; que o militar que sobreviveu é que terá de explicar o que se passou naquela noite.







A jornalista da estação pública falou com o suspeito, que afirmou não se ter entregado antes porque sentiu que não "havia condições de segurança".

A RTP3 adianta que Pedro Dias sobreviveu estas quatro semanas com "apenas 60 euros". O suspeito desmentiu que os pais os tenham ajudado.

O suspeito seguiu cerca das 21:00 para a diretoria da Polícia Judiciária da Guarda, onde ficará a aguardar ser presente a juiz.

Fonte: DN | Fotos:RTP

Siga-nos por email

Subscreva:

Desenvolvido por FeedBurner

INFORMAÇÃO

Algumas fotografias utilizadas neste blog e alguns artigos são provenientes de outras fontes como Jornais, Revistas, Blogues, órgãos de comunicação social, bases fotográficas estrangeiras e motores de busca. Todos os artigos tem a fonte da foto e da noticia no final do mesmo. Se alguma entidade se sentir lesada ou não permitir a utilização de algum conteúdo utilizado neste sítio comunique-nos, por favor, e prontamente será retirado.