Loading...

E A FESTA CONTINUA - Pena suspensa por atear fogo



O homem que estava em prisão preventiva por ter provocado um incêndio num pinhal em Paradela de Lorvão, Penacova, saiu esta semana em liberdade. O Tribunal de Coimbra condenou-o a quatro anos de prisão, com pena suspensa.

A deficiência mental ligeira e a falta de antecedentes atenuou a pena do homem que mora em Penacova. No entanto, o juiz foi claro ao advertir o arguido, que actuou num quadro de dependência alcoólica: "Não haverá segundas hipóteses, se voltar a beber vai lá para dentro." O homem vai ter acompanhamento clínico e terá de se apresentar todas as semanas na GNR.

Fonte e foto: Correio da Manhã
loading...

Siga-nos por email

Subscreva:

Desenvolvido por FeedBurner

INFORMAÇÃO

Algumas fotografias utilizadas neste blog e alguns artigos são provenientes de outras fontes como Jornais, Revistas, Blogues, órgãos de comunicação social, bases fotográficas estrangeiras e motores de busca. Todos os artigos tem a fonte da foto e da noticia no final do mesmo. Se alguma entidade se sentir lesada ou não permitir a utilização de algum conteúdo utilizado neste sítio comunique-nos, por favor, e prontamente será retirado.